Introdução

Guardar uma graninha é sempre uma boa ideia, não é mesmo? E em tempos de preços altos e gastos extras, qualquer dez centavos conta, principalmente se você é ou pretende se tornar um universitário.

Cursos como o de Ciências Contábeis, que abrangem muitos conteúdos variados, exigem investimento em materiais de estudo. E pensando nisso, bora aprender algumas dicas de finanças pessoais para não passar aperto e conseguir pagar todos os xerox da vida?

Lógico que não para por aí. Tem muitos livros, viagens técnicas, congressos internacionais e até intercâmbios estudantis como oportunidade na vida universitária, então vem aprender com a gente a cuidar do seu bolso e aproveitar tudo o que puder!

O que eu preciso fazer para manter as contas em dia?

Eu sei que parece óbvio e provavelmente você não faça isso como a maioria das pessoas. Nem sempre a gente tem costume de colocar tudo no papel. Mas em quase todos os casos, o descontrole das contas vem pelo fato de gastarmos mais do que recebemos.

Já parou para pensar o que aconteceu com aqueles R$10,00 que você tinha no bolso pela manhã e já no início da tarde tinha desaparecido e se transformado em meros R$0,15? Agora multiplique essa situação por 30 dias do mês.

Sem ver, você gastou tranquilamente R$300,00. Isso sem contar os temidos boletos que sempre chegam no início do mês, o xerox da faculdade, compras, despesas com livros, transporte, e tudo mais que vem embutido nesse novo ciclo de vida.

Então o ideal, antes de qualquer coisa, é sentar e fazer as contas. Coloque numa planilha ou no papel mesmo, quanto de dinheiro você recebe por mês, o que tem de contas fixas (parcelas) e contas variáveis (imprevistos, compras e itens que tem preço flutuante).

Lá no final veja se está tudo fechando. Vai dar para pagar todas as contas? Sobra quanto para o meu lazer? Não tá sobrando? Então confira no próximo tópico algumas dicas para se organizar e colocar as contas nos eixos!

Como devo me organizar?

Bom, se você tem uma meta, como se graduar ou comprar um carro, deve saber o quanto é importante se organizar para chegar lá, não é mesmo?

Ao contrário do que se pensa, a estabilidade financeira depende de ações relativamente simples, que se baseiam em planejamento e disciplina.

A partir dessas iniciativas que vamos te apresentar abaixo, você conseguirá obter equilíbrio financeiro e se transformar, não apenas em uma pessoa sem dívidas atrasadas, mas até em um investidor. Confira aqui embaixo:

  1. Orçamento: você precisa estar preparado. Para isso, escolha um dia no mês e sempre faça seu plano financeiro mensal nesta data. Monte uma planilha com despesas fixas, dívidas, pagamentos, gastos eventuais e em paralelo as suas receitas (salário e qualquer tipo de ganho extra). Ao final, o ideal é que sempre sobre de 10% a 20% do seu salário para investimento, lazer ou para algum imprevisto.
  2. Comece a priorizar as coisas: principalmente se você estiver com as contas desequilibradas. Para isso, é necessário analisar tudo, ver com o que realmente é necessário gastar naquele mês e o que pode esperar mais ou pouco. Shows, restaurantes, festas e produtos supérfluos não são primeira necessidade até você estar mais tranquilo financeiramente. Essa é uma parte bem difícil, mas sem ela é impossível chegar lá.
  3. Se eduque financeiramente: todo mundo sabe como ganhar dinheiro, mas ninguém se preocupa com o principal, entender como usá-lo com sabedoria. Aprenda com os erros dos outros. Leia, estude e busque informação sobre finanças sempre que puder. Isso vai te ajudar a tomar as atitudes certas.
  4. Trabalhe com prazos e metas: sabe aquela historinha de que quando a gente marca uma data, ela chega mais rápido? Então, quando o assunto é econômico também se aplica. Então escolha um objetivo, determine o seu valor e um prazo para atingi-lo. A partir daí, se organize e crie situações para te ajudar a cumprir tudo isso. Exemplo: comprar um carro no valor de R$ 30 mil, num prazo de dois anos. Analise seu orçamento e veja como reorganizá-lo para conseguir ter o automóvel dentro do prazo.
  5. Poupar não é uma opção: isso é uma obrigação. Para conseguir colocar tudo em dia e não correr o risco de passar apuro novamente, é imprescindível guardar pelo menos 10% de sua receita mensal.
  6. É difícil, mas busque sempre pagar à vista: coloque o pé no freio e consuma conscientemente. Mais vale juntar dinheiro por um tempo e pagar de uma vez, que comprar na ansiedade e ganhar além do produto, uma dívida que se arrastará por meses. Fazendo isso, você consegue aumentar o seu poder de barganha na hora da compra, permitindo descontos e outras vantagens. Use o financiamento apenas para situações específicas, como a compra de um imóvel.
  7. Fuja do crédito fácil (e caro): na hora parece um bom negócio, mas no final das contas, a gente paga o dobro do que pegou. Sem contar as parcelas que vão ao infinito e além, enquanto você poderia estar investindo tal dinheiro.
  8. Disciplina é fundamental: nenhuma das coisas que discutimos anteriormente terá efetividade se você não tiver autocontrole para organizar as suas finanças. Seguir o planejamento traçado é fundamental. As tentações surgem a todo instante mas é preciso se manter focado no objetivo.

Ah, lembrando que se você tem acesso a smartphones, hoje existem aplicativos que te ajudam nos seus controles. Um exemplo deles é o Guia Bolso.

Planejamento é a alma do negócio

Comprar uma casa, um carro, pagar uma faculdade, viajar… São muitos os objetivos e apenas um caminho para conseguir atingir qualquer uma dessas coisas: o planejamento pessoal!

Se no seu caso, você quer fazer uma faculdade, adotou algumas medidas, tomou gosto na coisa e agora quer trabalhar com isso, o curso de Ciências Contábeis pode ser uma boa pedida!

Nele você vai aprender técnicas financeiras, legislação para cada tipo de profissão, enfim, vai ter embasamento para trabalhar pra todo tipo de gente e empresa. E se ficou interessado, vou deixar aqui um material bem legal para te dar uma explanação geral sobre o curso de Ciências Contábeis.

Se ainda não decidiu o curso que pretende fazer mas não quer deixar tudo pra última hora, também vou deixar aqui um material para te ajudar a se planejar e chegar na faculdade com tudo organizadinho.

E para você que quer colocar as contas em dia, deixar de ser uma pagador e passar a ser um poupador, faça o download da nossa planilha aqui embaixo! Esperamos ter te ajudado!

Até a próxima!

CTA DE DOWNLOAD