Estágio em Licenciatura: entenda a importância para quem quer ser professor!

    Introdução

    Escolher a carreira profissional que pretendemos seguir quase nunca é uma tarefa fácil. Existem muitas coisas que devemos levar em consideração antes de tomar qualquer decisão e cair de cabeça nessa nova jornada.

    São muitas as opções e detalhes a serem pensados antes de definir suas escolhas. Quero fazer um bacharelado ou uma licenciatura? Vou me graduar em que área, humanas, exatas ou biológicas? Quais matérias eu tenho mais afinidade?

    Além dessas existem muitas outras questões que você sabe que passam pela mente e não tem jeito, quem ainda não tem tanta clareza da escolha, frita muito os neurônio até conseguir se entender e se descobrir.

    Se você já possui a resposta para a primeira dessas perguntas, já pode se considerar vitorioso, você deu um grande passo! Se a sua conclusão foi: “quero muuuito fazer uma licenciatura, nasci para isso!” pode colocar mais um sorrisão na cara!

    A partir de agora você vai entender um pouco mais a respeito disso e também sobre a importância de se realizar um estágio para quem pretende encaminhar a carreira para esse lado! Então vamos lá!

    O que é uma licenciatura?

    Não é difícil encontrarmos pessoas que estão no ensino fundamental ou médio e que ainda não sabem diferenciar o que é um bacharelado e uma licenciatura. Se você se enquadra nessa situação pode ficar tranquilo, você não é o único!

    São muitas as opções de cursos e alguns deles, pedem que logo na inscrição para o vestibular, você escolha entre a opção de realizar um bacharelado ou uma licenciatura, e é aí que bate aquele gelinho e você pensa: Mas o que?

    Relaxa, a definição não é um bicho de 7 cabeças e você vai sacar rapidinho a diferença. Vamos nos ater a um curso em especial para dar um exemplo: educação física. Ao se decidir por esse curso, você poderá escolher se graduar num bacharelado ou em uma licenciatura.

    Vamos para a diferenciação. Enquanto o candidato a um bacharelado em educação física poderá trabalhar em academias, como personal trainer ou coach de emagrecimento por exemplo, quem escolhe uma licenciatura, poderá dar aulas de educação física para crianças e adolescentes entre 8 e 20 anos mais ou menos, em escolas públicas ou privadas, em clubes, escolinhas especializadas, entre outros.

    Deu pra entender a diferença tranquilo, não é? Em todo caso, se ficou alguma dúvida, vou deixar aqui um material que explica tim-tim por tim-tim as diferenças entre eles, ok?

    Nunca trabalhei na área que escolhi, vou conseguir um estágio?

    Essa pergunta costuma tirar o sono de muitos estudantes prestes a iniciar a sua graduação ou aqueles que estão quase se formando e ainda não conseguiram adquirir experiência prática na área.

    Se tratando desse assunto, quero que fique calmo. Não precisa de forma nenhuma se preocupar com tanto afinco sobre esse tema. Ter experiência é importante? Claro! Mas as vagas de estágio são justamente para isso. Elas existem para que você aprenda a sua profissão colocando a mão na massa, por isso as qualificações e exigências delas são condizentes com isso. Se algo na vaga for diferente de fazer o “basicão” fique atento, “algo errado não está certo”!

    O conselho é a partir do segundo ou terceiro semestre de curso, já iniciar a sua jornada na busca de um estágio. Sim, existem cursos que reservam períodos pré-definidos para a realização dele, mas não deixe para a última hora. É melhor já deixar tudo engatilhado o quanto antes e ter o que precisa na hora certa, do que esperar e depois necessitar de negociação com a universidade para entregar seu relatório de estágio com atraso, não é?

    Outra dica importante é: toda experiência conta.Então antes de conseguir de fato engrenar na área em que deseja estagiar e consequente trabalhar, leve um currículo bem feitinho e atualizado com todos os cursos e experiências que já teve.

    Fale desde aulas extracurriculares do ensino médio, atividades as quais se dedicou e trabalhos remunerados que lhe trouxeram algum tipo de experiência positiva. Isso contará bastante frente ao recrutador.

    Recapitulando nosso percurso até aqui, ficamos da seguinte forma:

    1. Não fique nervoso, o estágio existe pra te ajudar, não para te atrapalhar;
    2. Procure buscar um estágio a partir do segundo ou terceiro semestre de faculdade
    3. Não deixe para a última hora, tente conseguir um estágio assim que possível
    4. Prepare um currículo lindão e bem feito para garantir uma entrevista
    5. Toda experiência conta, não deixe de citar nada!

    Alguma dicas a mais para ter sucesso:

    • Na entrevista, sempre responda tudo o que lhe for perguntado. Seja direto e objetivo.
    • Siga as regrinhas de comportamento numa entrevista. Nunca minta no seu currículo, você com certeza será descoberto e fará um imagem ruim de você mesmo.
    • Quando iniciar o seu estágio, leve-o muito a sério, ele pode ser a sua porta de entrada para vagas efetivas!
    • Estágios pagam menos? Sim. Mas quando se formar, eles serão itens decisivos para conseguir o seu espaço.
    • Se formou e ainda não conseguiu um estágio ou possui experiência? Continue tentando vagas mais básicas ou de treinee. Tente iniciar uma pós-graduação para aumentar sua rede de contatos e, quem sabe, conseguir iniciar a sua carreira a partir da indicação de um colega!

    Por que é tão importante conseguir um estágio em licenciatura?

    Sabe aquela frase que diz que “quem olha de fora, enxerga melhor?” pois é, essa é a melhor definição sobre a importância de se fazer um bom estágio quando se escolhe uma licenciatura.

    Não, isso não é balela de professor. Pensemos juntos: você vem estudando desde o primeiro semestre de faculdade, inserido conteúdo sobre conteúdo dentro da sua cabeça. Mas como vai saber se realmente está tudo aprendido alí dentro? Como poderá ter certeza de que a forma com a qual pretende ensinar tudo isso realmente irá funcionar? De que maneira poderá ser autocrítico e descobrir em que precisa melhorar?

    Pois bem, todas essas questões são respondidas quando se realiza um estágio supervisionado. Não se trata apenas de observar e dar algumas partes de uma aula. É isso que fará você enxergar falhas próprias, aprimorar suas técnicas, vislumbrar imperfeições do profissional que te acompanha e tentar não cometer os mesmos erros. Enfim, é uma sequência de aprimoramento e melhorias que só te farão ser reconhecido e trilhar uma carreira cada vez melhor.

    Afinal de contas, tem coisa melhor que chegar ao final de uma aula e um aluno vir te agradecer por uma aula tão boa ou ver uma sala toda com notas ótimas por ter entendido todo o conteúdo da sua matéria?

    Se você concorda com isso, não exite em buscar um estágio. Ele será um divisor de águas e te fará enxergar e associar toda a parte teórica a prática sem sofrimento, te tornando um profissional cada vez melhor e mais confiante.

    Estágio: a menina dos olhos de todo estudante de licenciatura!

    Depois de entender sobre esse período tão importante da vida de todo graduando em licenciatura, trouxemos boas novas: existem escolas particulares que oferecem vagas para estágio em várias matérias, até o governo oferece oportunidades com o chamado Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid).

    A boa notícia é que desde de fevereiro de 2018, além do Pibid, o governo passou a oferecer outro programa de formação, chamado Residência Pedagógica, o que significam 45 mil vagas por edital para conseguir alguma delas e sair com o seu estágio e uma bolsa auxílio na mão! Bacana demais não é?

    Então foco, meu amigo. Um futuro de grande sucesso te espera e temos certeza de sua realização pessoal será imensa nessa profissão.

    Esperamos que esse material tenha te ajudado e esclarecido algumas dúvidas. Mesmo assim, se quiser perguntar qualquer coisa, não deixe de nos chamar ali na caixa de comentários, beleza?

    Até a próxima

    Nível de ensino

    Posts Recentes

    Posts por Tópico

    Veja Todos!
    Post1080x1080
    blog-unis-1080x1080

    Assine para receber atualizações no email!

    Manual do aluno Unis-optimized