Introdução

O mercado de trabalho está em constante mudança. Cada vez mais requisitos são solicitados para se encaixar em uma vaga. Ser graduado hoje se tornou item básico, e quem escolhe tecnólogos, como o curso de Processos Gerenciais, acaba passando na frente!

Nem todo mundo sabe das diferenças entre os tipos de graduação e acaba tendo um certo receio dos tecnólogos, mas essa modalidade de curso também é uma graduação como qualquer outra.

A diferença é que ela é mais focada nas partes práticas, o que torna mais curta em comparação com um bacharelado, que demora o dobro do tempo para ser concluído e abrange matérias teóricas, de filosofia entre outras disciplinas mais generalistas.

E se você quer ingressar no curso de Processos Gerenciais mas está em dúvida se essa é a sua melhor opção, você chegou ao lugar certo e vai terminar essa leitura com a certeza de que fez a melhor escolha!

Como é o curso de Processos Gerenciais

Em média, esse curso tem duração de 4 semestres. Como já conversamos um pouco acima, o curso de Processos Gerenciais assim como qualquer outro tecnólogo é mais objetivo, focado nas matérias práticas que vão te ajudar na resolução de problemas comuns do dia a dia de uma empresa.

Ah, uma dica é ficar atento ao escolher o lugar onde irá realizar sua graduação, pois embora qualquer um deles te deixe preparado para atuar frente a pequenas, médias e grandes empresas, nos mais diversos setores, cada instituição oferece um enfoque diferente para esse curso, como negócios empresariais ou educação.

Das matérias que você provavelmente terá contato, podemos citar:

  • Direito Empresarial
  • Economia
  • Gestão Empreendedora
  • Gestão Estratégica
  • Gestão Financeira
  • Gestão da Inovação e Criatividade
  • Gestão da Produção e Operações
  • Gestão da Qualidade
  • Gestão de Marketing
  • Gestão de Pessoas
  • Gestão de Serviços e Varejo
  • Logística e Cadeia de Suprimentos
  • Matemática Aplicada e Estatística

Fora as optativas e outras disciplinas que variam de acordo com a grade curricular de cada instituição de ensino.

Coisas importantes de se analisar também são os itens “plus” que a faculdade pode te oferecer, como a possibilidade de participar de congressos internacionais, ter contato com gringos e facilitadores de estágio (importantíssimos para entrar no mercado de trabalho). Benefícios como seguro desemprego estudantil e até programas de intercâmbio entre faculdades para te ajudar a conhecer outras realidades do ramo dos negócios também são pontos importantes de analisar na hora de escolher.

Como essa graduação vai me ajudar a ser um grande líder?

Como o nome do próprio curso diz, o objetivo dele é te deixar preparado para gerir pessoas ou empresas de modo geral.

Beleza, mas de que forma o curso vai me ajudar a conseguir isso? Focando no que é mais importante e te deixando preparado para desenvolver tarefas que somente um líder pode  exercer em uma empresa ou companhia.

Dentre essas qualidades, você vai aprender a:

  • Tomar decisões e administrar processos de negociação, sempre localizando soluções e alternativas para as principais dificuldades relacionadas a empresa;
  • Elaborar, implementar, controlar e avaliar o planejamento estratégico e tático nas mais diversas áreas de um empreendimento;
  • Coordenar equipes, administrar conflitos e contribuir na manutenção do clima organizacional entre colaboradores, clientes, acionistas e fornecedores;
  • Gerenciar o fluxo de informações mantendo todos os setores alinhados uns com os outros;
  • Trabalhar em equipe demonstrando criatividade e autonomia, propondo novas ideias e adequando soluções aos problemas apresentados.

Claro que para chegar a cargos mais altos será imprescindível ter experiência, mas com tudo o que você irá aprender no curso e nos estágios, não haverão tantas dificuldades para atingir esse objetivo.

Outra coisa que você precisa entender é que existe uma grande diferença entre ser um líder e ser um chefe. Tem gente que acha que é tudo a mesma coisa, mas na prática, as diferenças são bem notáveis, e você entende melhor sobre o exemplo que deve sempre buscar seguir aqui embaixo:

O líder

É essa pessoa que você deve buscar ser sempre, independente de qual curso decidir se formar, afinal de contas, é o líder que conduz as pessoas e as inspira. É naturalmente um motivador, sempre mostra a direção que devem seguir e o mais importante, vai junto.

Muito respeitado por seus funcionários, busca não só resultados, mas maneiras para que junta, a equipe consiga alcançá-los. Enxerga todo o “poder” que tem nas mão como uma ferramenta de fabricar ideias e soluções, já que é aberto à toda a equipe para ouvir e discutir as melhores opções, pensadas juntos.

O líder não tem subordinados, e sim uma equipe ou um time e procura trazer o melhor de cada um à tona. Valoriza as habilidades de cada um, respeita suas dificuldades e trabalha junto para superá-las.

Esse é o cara que todo mundo admira, que se responsabiliza junto com sua equipe “na alegria e na tristeza”. Ele que tem a melhor equipe da empresa e os resultados são mais eficientes.

O que fazer para ser um grande líder?

Ser um profissional reconhecido, bem estabelecido e referência para os outros parceiros de trabalho é o sonho de todo mundo, e para isso, alguns passos básicos podem te dar o pontapé inicial para essa busca, que deve ser constante. Dentre as tarefas que você deve tentar cumprir, se enquadram:

  1. Amplie seus conhecimentos: esteja sempre atualizado sobre tudo que acontece no seu mercado. Além disso, busque entender sobre novos assuntos, aperfeiçoar suas habilidades e da sua equipe. Ler, assistir palestras e fazer cursos podem te ajudar e muito.  No mais, tente se manter em constante evolução. Será bom para você, para a empresa e para as pessoas que estão crescendo ao seu redor.
  2. Seja cada vez melhor no que faz: é como aquela conhecida frase diz, por mais que algo esteja bom, sempre tem alguma coisa que poderemos melhorar, ainda mais quando se trata de nós mesmos! Então tente identificar os pontos que precisam ser lapidados e se aprimore cada vez mais.
  3. Pare de desperdiçar o seu tempo: ele vale ouro e você precisa focar no que é realmente importante. Use-o a favor do seu desenvolvimento e para entregar mais resultados. Para isso, defina prioridades e se planeje.
  4. Trabalhe bem em equipe: tente delegar as atividades e acompanhá-las. Trabalhe junto com o seu time e esteja disposto a ouvir sempre. Dividir essa responsabilidade com todo o seu pessoal irá ajudar a mostrar que confia no trabalho deles, além de te ajudar a ganhar tempo para pensar nas partes estratégicas. Dê autonomia aos seus colaboradores e ao final, o crédito necessário a cada um dos que contribuíram para o sucesso do produto final.
  5. Faça o que ainda não fez: se arrisque, nunca tenha medo do novo. Pode ser que algo que você pensou revolucione uma empresa, um processo e seja tudo o que uma corporação estava precisando para melhorar. Então tire todos os projetos do papel e se ainda não tiver um, use o tempo livre proveniente da delegação de tarefas para pensar em um! Um bom começo é iniciar pensando no que você, como líder, pode fazer pelo seu time e melhorar os resultados da organização.

Contabilizando os prós da carreira em Processos Gerenciais

Quer mais uma notícia boa? O mercado ainda passa por carência de profissionais técnicos e qualificados nas mais diversas áreas. Ao entrar numa graduação tecnóloga, você sai preparado e mais rápido para buscar vagas efetivas, o que te ajuda a passar na frente de muita gente.

Aí se no futuro você sentir necessidade de se aprofundar em algum conteúdo diferente, você pode buscar uma pós-graduação e até uma nova graduação.

Vamos contabilizar então:

  1. Você se forma mais rápido
  2. Sai mais cedo para o mercado de trabalho
  3. Se torna um profissional qualificado e pronto para liderar setores e empresas
  4. Começa a ganhar experiência profissional antes
  5. Pode ser empreendedor
  6. Aprende a ter visão 360°
  7. Pode fazer parte do CRA-Conselho Regional de Administração

Se essas não forem as características necessárias para um grande líder de sucesso, não sabemos o que é ser um, concorda?

Ah e se você já possui outra graduação e quer empreender em outros setores, adquirir conhecimentos das áreas administrativas e até mudar o direcionamento da sua carreira, saiba que esse é o canal.

É uma graduação completa e que vai te oferecer todos esses conhecimentos.

Vai sem medo!

Sempre vai existir gente medrosa e que acaba nos desestimulando a seguir os nossos sonhos, mas não caia nessa armadilha, ta?

Não se esqueça que um tecnólogo também é uma graduação e que no final das contas, o que vai te levar até as boas vagas de emprego ou não, dependerá diretamente do tipo de profissional que você pretende ser, não é?

Bom, espero que esse material tenha atingido o objetivo de te mostrar como o essa pode ser uma carreira próspera e te ajudado a se decidir por essa graduação tão bacana.

Qualquer coisa, só nos chamar ali no box de comentários!

Até a próxima!